Segunda-feira, 3 de Maio de 2010

Carta à minha filha

É difícil educar quando se está submerso num mar de dúvidas.
Por vezes creio que como pai tenho de te impor determinadas regras que supostamente te ajudarão no teu futuro, mas isso colide com a minha forma de pensar.
Dou-te liberdade para escolher quando ainda não estás preparada para o fazer, ou estás?
Também não sei se gostaras de conhecer o poder da verdade e do pensamento.  Se calhar preferes a falsa felicidade da ignorância e eu arrebato-ta desde tão tenra idade.
Apenas tenho certeza que me enganarei muitas vezes, pensando sempre no melhor para ti...
Espero que cresças bem e feliz e que algum dia saibas ver que as minhas acções são uma tentativa desesperada e imperfeita de tornar a tua vida mais fácil. Faço-o desde o meu ponto de vista que certamente não coincidirá com o teu, mas é o único que tenho.
Não pretendo fazer-te à minha imagem e semelhança, apenas ensinar-te a ser tu mesma, a dar os teus passos no caminho por ti escolhido.
Quero a tua felicidade acima de tudo e se me engano, perdoa-me e ensina-me a fazê-lo melhor.
Ouvir-te-ei, tentarei compreender as tuas palavras e vou amar-te para sempre!


Alma às 21:52
| comentar
4 comentários:
De gatinhaperdida a 4 de Maio de 2010 às 09:12
O importante,na minha modesta opinião,é que realmente ela,com os teus ensinamentos,seja depois capaz de tomar as suas decições e que seja uma pessoa confiante. ;)

Não sou mãe,mas tenho a certeza que esses pensamentos que te assolam,são comuns a todos os pais,essas dúvidas.
E como diz a minha mãe "Os pais também erram e não sabem tudo,excepto quando vocês são crianças e aí tentamos fazer tudo o melhor que conseguimos e sabemos,mesmo quando erramos" ;)

Tem um bom dia;) :)



De Alma a 6 de Maio de 2010 às 00:02
Olá

De facto, todos os pais passamos pelo tormento de não saber se os nossos ensinamentos são ou não os adequados. Resta-nos acreditar que sim e esperar para ver.

Obrigado


De naná a 1 de Agosto de 2011 às 23:44
adorei o que li. parabéns por ser tão bom pai:)


De Alma a 4 de Agosto de 2011 às 23:21
Obrigado


Comentar post

publicados 111 posts:

Tesouros escondidos

Dez minutos

Espero algum dia voltar a...

Dilema

Encontro

Destino

Precisa-se

Pensamento do dia

Vida exemplar

Não me apetece dar título...

A idade interessa?

Infiel... ser ou não ser

A seu lado

Deixa-me entrar

Parabéns ao meu blog...

Encontro com Satanás

Manada cruel

Chocolate

Contigo...

Cinderella

Mendigo

Musica do dia

Sorriso à Lua

Parabéns ao meu blog...

O vento

Palavras

Uma Europa Hipocrita

Vida

É hoje

Ontem, tu e eu

Escudo de pedra

Acordar

E agora...

Festa

O nosso caminho

Percepção do tempo

Desculpa, ainda não sou c...

Escrever um livro...?

Carta à minha filha

ADEUS

Sentimento de impotência

A tempestade

Tudo muda

Teimosia

Sinto a tua falta

Respeito

Um horizonte de possibili...

Onde nasce o ódio

Dizem que

A busca

posts por mês:

Abril 2014

Fevereiro 2014

Abril 2012

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Novembro 2010

Setembro 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Fevereiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

mais sobre mim:

almas penadas