Sexta-feira, 24 de Julho de 2009

Queria amar-te

Uma vez mais acordei a teu lado... uma vez mais me senti feliz de manhã.
Sabemos que não pode funcionar, sabemos sim, mas adoro estar a teu lado. Adoro beijar-te, acariciar-te, adoro que os nossos corpos nus se entrelacem com a cumplicidade da madrugada...
Mas sinto-me triste por não funcionar. Somos como esses produtos químicos que só fazem uma reacção boa em pequenas quantidades, reacções perigosas, mas que em grandes quantidades explodem.
Gostaria que não fosse assim, gostaria poder dizer-te que isto seria perfeito, sonho com esse momento, mas não poso, é impossível, e ambos sabemos que é tudo o que nos podemos oferecer.
É horrível saber que tens uma pessoa tão especial a teu lado, com quem aproveitas ao máximo cada momento mas é apenas isso que se pode ter, apenas momentos maravilhosos em noites inesquecíveis.


Alma às 11:41
| comentar
2 comentários:
De teetee a 26 de Julho de 2009 às 13:22
Bom dia... Posso entrar?

Não tenho palavras além daquelas que um dia li num livro, ás quais penso que acrescentar o que quer que seja, seja um excesso:

"(...) pode ser que a vida tenha razões que a razão não entende." Miguel Sousa Tavares

teetee


De Alma a 26 de Julho de 2009 às 17:08
Olá, boa tarde.
Seja bem-vindo/a

Porque o amor não é apenas gostar, é senti-lo por dois
Se o amor dependesse apenas de um, onde estaria o amor?
No entanto gostar, isso sim depende de uma só pessoa e por isso a maioria das vezes não é mutuo
Amar e gostar, duas palavras totalmente diferentes
As relações pensa se é física ou química o que há entre os dois
Tudo começa rápido, como rápido termina... O amor acabou ou foi a ilusão?


Comentar post

publicados 111 posts:

Tesouros escondidos

Dez minutos

Espero algum dia voltar a...

Dilema

Encontro

Destino

Precisa-se

Pensamento do dia

Vida exemplar

Não me apetece dar título...

A idade interessa?

Infiel... ser ou não ser

A seu lado

Deixa-me entrar

Parabéns ao meu blog...

Encontro com Satanás

Manada cruel

Chocolate

Contigo...

Cinderella

Mendigo

Musica do dia

Sorriso à Lua

Parabéns ao meu blog...

O vento

Palavras

Uma Europa Hipocrita

Vida

É hoje

Ontem, tu e eu

Escudo de pedra

Acordar

E agora...

Festa

O nosso caminho

Percepção do tempo

Desculpa, ainda não sou c...

Escrever um livro...?

Carta à minha filha

ADEUS

Sentimento de impotência

A tempestade

Tudo muda

Teimosia

Sinto a tua falta

Respeito

Um horizonte de possibili...

Onde nasce o ódio

Dizem que

A busca

posts por mês:

Abril 2014

Fevereiro 2014

Abril 2012

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Novembro 2010

Setembro 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Fevereiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

mais sobre mim:

almas penadas