Sexta-feira, 30 de Setembro de 2011

Destino

O destino fez com que a distância se encarregasse de garantir a não continuidade daquilo que nem começou.
Boa sorte para essa nova etapa da vida que agora inicias.


Alma às 01:30
| comentar
4 comentários:
De Aline a 14 de Maio de 2012 às 17:55
Essa frase representa o que eu vivi e o que estou vivendo. Parabéns!! Você escreve muito bem, e ao mesmo tempo passa uma calma em suas palavras!!! Amei o texto "Encontro". Tudo de bom pra você.


De Alma a 15 de Maio de 2012 às 17:54
Obrigado e volta sempre.


De Anónimo a 14 de Fevereiro de 2013 às 23:03
Muitas vezes a distância só aumenta o sentimento, mas nem sempre este é compreendido. Se a distância fosse o único obstáculo... Eu acredito que se o sentimento for verdadeiro e forte supera tudo, até o tempo...


De Anónimo a 22 de Janeiro de 2016 às 22:04
Não interessa a distância, nem o tempo, "...isto é diferente; isto é o sentimento que tens quando sabes que algo tem que acabar agora mesmo mas ainda não está terminado totalmente.

Não podes simplesmente dizer, “Eu desejo-te o melhor”, e seguir em frente. Não consegues terminar esse capítulo da tua vida porque sabes que não podes desistir já. Não agora, e talvez nunca.

E depois és enviada para aquilo que gosto de chamar de “purgatório do amor”. É um local onde sabes que está o amor da tua vida, mas os dois não estão actualmente juntos.

Talvez tenham namorado durante um curto período (...) ou talvez nem tenham estado oficialmente juntos.

A conexão com essa pessoa é tão real e forte e magnética que és constantemente puxada para ela. A relação não atingiu o seu potencial ainda, portanto não pode acabar.

Na verdade, essa pode ser a pessoa com que um dia irás ficar. Mas não estão juntas agora por causa do tempo, da agenda, das oportunidades perdidas ou blah, blah, blah.

Então tu estás sentada no purgatório do amor a passar o teu tempo até que ambos se possam encontrar novamente. Não ficas somente sentada a ouvir música triste e a esperar.

Tu encontras distracções e afastas-te daquilo que realmente sentes de maneira a continuares a ser um humano capaz de funcionar na vida.

Conheces outras pessoas fantásticas e lindas com quem gostarias que as coisas funcionassem, mas isso nunca acontece. Ele ou ela simplesmente não é o tal.


(...) E isso é o que a pessoa que te mantém no purgatório do amor te faz sentir; ninguém se compara.

Porque quando sabes, tu sabes. Essa conexão acontece uma, talvez duas vezes, numa vida inteira.

Os teus amigos acham que és maluca, e tu própria começas a sentir-te maluca. Porque é que, num mundo com biliões de outras pessoas, tu estás a deixar que uma não te deixe seguir em frente? Nem tu consegues responder a essa questão.

“O coração tem razões que a própria razão desconhece” — Blaise Pascal

Algumas pessoas conhecem alguém, namoram, apaixonam-se e vivem felizes para sempre.

Muitos outros não têm tanta sorte. Alguns de nós temos que lutar, acabar, voltar e atravessar o inferno com a outra pessoa até que finalmente tudo resulte.

Talvez o problema seja, novamente, tempo. Talvez tenhas que aprender e crescer mais antes que possas assentar. Qualquer que seja o problema, tu sabes que eventualmente os dois irão encontrar-se novamente.

Porque tal como (...) todas as grandes histórias de amor dos filmes e da televisão, existe sempre alguém que não consegues esquecer e nunca conseguirás.

Mas até encontrares o teu caminho de volta, tu ficas sentada miseravelmente no purgatório do amor com esperança de encontrar alguém ou alguma coisa que te mantenha ocupada tempo suficiente para não te auto destruíres.

Algumas pessoas vão ficar irritadas com isto e pensar, “Não é assim que é suposto ser o amor” ou “Se fosses madura o suficiente sobre como funciona o amor, não estarias neste estado”.

Mas eu tenho que discordar e contra-atacar com isto, “Como é que sabes? Só porque as coisas foram fáceis para ti não significa que seja para todos os outros”.

As pessoas são muito complicadas e o amor é, por vezes, complicado. " F.


Comentar post

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

posts por mês:

Abril 2014

Fevereiro 2014

Abril 2012

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Novembro 2010

Setembro 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Fevereiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

tags

todas as tags

mais sobre mim:


quem sou?

seguir perfil

. 20 seguidores

almas penadas