6 comentários:
De Pedro Magalhães a 1 de Agosto de 2009 às 20:40
Tens muita razao...
Beijinhos...


De Alma a 2 de Agosto de 2009 às 01:14
Pois tenho

Essa dos beijinhos foi engano ou são mesmo para mim?

Agradeço a visita


De Docemente a 4 de Agosto de 2009 às 00:38
Olá boa noite.
Aqui estou a deixar o meu comentário...
Penso, tambem muitas vezes que era bom se pudesse voltar atrás no tempo, é impossivel.
Deixo-lhe uma musica ( se a quiser ouvir ) que me transmite isso mesmo, espero que goste.

http://www.youtube.com/watch?v=cSN8zFZu6D0

Tudo de bom para si


De Alma a 4 de Agosto de 2009 às 22:14
Olá, boa noite
Obrigado por comentar aqui no blog e não por mail.
De facto é impossível voltar atrás no tempo, mas se pudesse mudaria aquelas coisas que me fizessem ficar de consciência tranquila e viver em paz.
Estamos sempre a tempo de pedir perdão, e não imagino ninguém a quem o perdão não agrade, mas no meu caso pedir perdão não basta. Não por não ser perdoado mas sim porque sei que no meu caso não há perdão possível, que não o mereço e que... é muito pouco!
Não deixo de pedir perdão com medo de não ser perdoado, não deixo nunca de dizer amo-te com medo de não ser correspondido! (para ambos os casos é necessária sinceridade)

Gostei da musica, não conhecia.

Obrigado


De Docemente a 4 de Agosto de 2009 às 22:51
Boa noite
Ao ler o que escreve transporto-me para o meu passado recente, acredito que tenhamos historias muito parecidas, revejo-me no que leio como se fossem minhas essas palavras.
Não adiante pedir perdão, há coisas que não podemos modificar, há pessoas que passam pela nossa vida, nos fazem sonhar mas que no fundo sabemos que são inalcansáveis e isso faz-nos sofrer.
Pensar nos momentos maravilhosos que passámos sempre a contra-relógio porque eram esperados por alguem e nós ficamos vazios, de presença e sentimento.
Desculpe a extensão da escrita... muito fica por dizer.


http://www.youtube.com/watch?v=ksxxVYHBkqI


De Alma a 1 de Setembro de 2009 às 18:12
Olá

De facto não adianta pedir perdão, nem chorar sob o leite derramado, resta-nos apenas ser melhores no futuro, isso sim é importante.

Obrigado


Comentar post